quinta-feira, 15 de julho de 2010

24/04/2008 mesclado com 15/07/2010


Nos últimos dias, a correria do dia-a-dia, o adeus de uma paixão, o stress de acordar cedo nas férias para trabalhar, dentre outros mil motivos considerados por mim de relevância.
Alguns considerados como atormento caótico na minha vida e ainda por cima roubando minha atenção.
Então de vez em quando esqueço de sentir a magia reluzente da natureza gratuita que todos os dias está presente em minha vida, mesmo que eu não perceba.

"E o tempo passa, mas passa lentamente, porém de repente gente ve que passou rapidamente. 24/04/2008"

2 comentários:

Erica Vittorazzi disse...

Para mim, o tempo passa de pressa, mas sempre tenho a honra de admirar os pássaros que me visitam de vez em quando...


beijos

' disse...

Para todos nos o relogio corre mais rápido do que deveria, mas nada melhor que para-lo por alguns instantes e admirar um por-do-sol.

:*